quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

FILMES & COMPANHIA



Hoje não vamos escrever sobre livros, escritores, ilustradores, leituras, hora do conto.

Deixamos de lado o mundo encantado dos livros
 e passamos a outro género de encanto,
os filmes ou cinema.



Algo que não só nos dá prazer a ver e nos emociona, nos transporta para um mundo paralelo, onde reina a magia e a aventura, como causa impacto na nossa vida, transmitindo-nos  valores, como a coragem, a persistência, o respeito, a solidariedade, a justiça, a amizade, a não desistirmos dos nossos sonhos e que, para além do entretenimento, também, nos oferece bonitas músicas.

Uma Biblioteca não é feita apenas de papel, por isso, 
temos  à tua disposição uma
sala áudio/vídeo,
onde podes assistir a um filme, confortavelmente, na companhia dos amigos, irmãos e dos teus pais.




Foi precisamente a pensar na tua família, que programamos nos
1º e 3º sábados de cada mês às 15h00,
 um filme infantil e outro para os mais crescidos, juntos no mesmo espaço.

Ilustração Angela Perrini

No dia 4 de março, podes vir assistir ao filme
Charlie e a fábrica de chocolate,
 enquanto os teus pais veem
O bom rebelde.

No dia 18 de março, podes ver
A história de uma abelha
 e os teus pais,
O reino proibido.


Cinema City Leiria

Relativamente a salas de cinema, deixamos-te uma curiosidade.

Em 2015 o site Architecture and Design, elegeu as 25 salas de cinema mais bonitas do mundo e uma delas é portuguesa e encontra-se perto de nós, no Cinema City de Leiria. 



















sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

PATATI, PATATÃ, PATATÃO

Primeiro vieram os três chibos sabichões, que enfrentam um terrível ogre.


Patati, Patati, Patati, faz o chibinho sabichão pequeno,
Patatã, Patatã, Patatã  faz o chibo sabichão médio,
Patatão, Patatão, Patatão faz o chibão sabichão grande


Depois veio a girafa Olímpia, que anda sempre com a cabeça nas nuvens e que comia estrelas.





Por fim, a história que explica por que razão os cães têm tendência em cheirar o rabo uns dos outros.



Com estas histórias ilustrámos a nossa Hora do Conto
Esta semana contámos com a participação de 
123 crianças, 
que vieram do 
 Jardim de Infância do Pilado e
da Escola EB1 de Casal de Malta. 
















sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

HÁ SEMPRE ALGUÉM ESPECIAL

"A noite toda se encanta,
a noite fica encantada,
 porque o rouxinol canta
para a sua namorada.

E a namorada, quieta,
ouve na noite que é bela
esse rouxinol-poeta,
esse rouxinol querido

que vai ser o marido
dela, só dela."


Com este bonito poema de Sidónio Muralha
queremos lembrar-te uma data ternurenta, que se comemora em breve.
Não nos estamos a referir ao fim de semana, que é sempre muito desejado para fugirmos das nossas rotinas diárias. Estamos a referir-nos à próxima 3.ª feira, dia

14 de fevereiro,
Dia dos Namorados.

Ilustração Carla Nazareth


- Mas eu não tenho namorada(o) - pensas tu.

Podes não ter, mas deve haver alguém para quem estás sempre a olhar, que achas mais simpático e bonito do que qualquer outro, com quem gostas mais de conversar e passear, a quem contas segredos. Pode não ser um(a) namorado(a), mas é uma pessoa muito especial, de quem gostas muito, por quem estarás apaixonado(a).
E porque gostas de fazer coisas em comum com essa pessoa, sugerimos-te uma leitura conjunta. Talvez quando acabarem de ler este livro, decidam que vão ser namorados um dos outro.


Texto José Jorge Letria
Ilustração Carla Nazareth
Editado pela Oficina do Livro




" (...) Quando o Homem pisou o seu solo áspero e poeirento, a Lua sentiu que qualquer coisa rara e importante estava a acontecer, pois, desde sempre, o Homem pousara nela os seus olhos curiosos e brilhantes sem descobrir a maneira de chegar tão longe e tão alto, talvez para a beijar ou para a abraçar. 
Durante milhares de anos houvera entre ambos uma espécie de longo namoro à distância, sem troca de cartas nem de promessas de amor eterno. O Homem, porém, nunca deixou de lhe dedicar belos poemas, para que a Lua jamais pudesse imaginar que caíra no seu esquecimento.
Por sua vez, mesmo nas noites mais escuras e enevoadas, a Lua procurou sempre enviar-lhe as suas centelhas de luz, como se quisesse dizer-lhe: - Sabes onde eu estou e sabes também que podes contar comigo."

A Lua conta contigo e nós também.


Ilustração Thùy Côm














sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

SILÊNCIO, QUE SE VAI OUVIR UMA HISTÓRIA



Silêncio, foi o que fizeram as 114 crianças que nos visitaram esta semana. Nem o frio os desmotivou. Como sempre, chegaram com entusiasmo e boa disposição. Vieram do Jardim de Infância de Casal de Malta e do Centro Infantil Arco-Íris.


Ouviram com curiosidade e atenção a história do Mário e da Mariana, dois irmãos que sofrem de "macaquice aguda" e que "habitam" dentro do livro com o título "A Família dos Macacos", escrito por Rita Taborda Duarte.



Mas ouviram, também, a história da raposa da cidade, que um dia resolve viajar até ao campo, pondo em alvoroço os animais que vivem na quinta. Esta raposa não pertence à família dos macacos. Esta raposa vive dentro do livro "Quem será o meu JANTAR?, escrito por Claire Freedman.



Acabada a leitura das histórias, o silêncio deu lugar a muitas perguntas, muitas gargalhadas, muitos livros passados de mão em mão. Alguns destes livros despertaram um interesse especial e então foram requisitados pelas educadoras para serem lidos nas respetivas escolas.

O que estas educadoras e estas crianças fizeram 
pode ser feito por qualquer escola. 
Basta que nos contactem.

Para assistirem à nossa Hora do Conto, podem vir com a vossa sala/turma, acompanhados pelos professores. Só têm de escolher o dia e telefonar para a Biblioteca Municipal.
Para requisitarem livros para lerem em casa venham com os pais, irmãos mais velhos, avós, ou mesmo sozinhos se já tiverem autonomia e autorização para isso.



Aproveitem as tardes de sábado para nos visitarem. 
Vir à Biblioteca Municipal é um passeio útil e bem agradável.

"As crianças desejam coisas mesmo estranhas: ter sapatos que brilham, comer algodão doce ao pequeno-almoço, ouvir a mesma história todas as noites."
Beatrice Alemagna









terça-feira, 17 de janeiro de 2017

SEMPRE EM MOVIMENTO E AÇÃO

Com o início de um novo período escolar, 
procedeu-se hoje à rotação dos livros afetos ao projeto ... 


... projeto que vamos relembrar.


São livros que a autarquia, através da Biblioteca Municipal e dos seus técnicos, faz chegar às crianças das escolas do 1º CEB que não possuem biblioteca escolar. No concelho existem já várias escolas com biblioteca devidamente equipada, mas destas apenas 3 integram a Rede de Bibliotecas Escolares - RBE / Ministério da Educação. Outras apenas possuem "cantinhos da leitura" e são estas as principais destinatárias do projeto "Livros em Movimento". 






Mas, se os livros são fonte de conhecimento e prazer, também o cinema proporciona momentos únicos de informação, alegria e bem-estar.



Por isso, no primeiro e terceiro sábados do mês, às 15:00h, na Sala Áudio/Vídeo da Biblioteca Municipal, temos os Filmes & Companhia, que consiste na passagem de dois filmes; um destinado aos mais pequenos e outro para os pais, juntos no mesmo espaço.
Consultem mensalmente a nossa newsletter para saber quais os filmes programados. 








terça-feira, 10 de janeiro de 2017

PRIMEIRO DESTAQUE DE 2017

Para o escritor, poeta e ensaísta português
JOSÉ JORGE LETRIA


Nasceu a 8 de junho de 1951, em Cascais.
Estudou Direito e História, é pós-graduado em Jornalismo Internacional e é Mestre em Estudos da Paz e da Guerra nas Relações Internacionais, pela Universidade Autónoma de Lisboa.

É um dos mais destacados nomes da literatura infanto-juvenil.

Dedicou-se desde muito cedo ao jornalismo, tendo trabalhado também como guionista e autor de programas de televisão. Foi durante vários anos vereador da Câmara Municipal de Cascais, sendo atualmente Presidente da Sociedade Portuguesa de Autores.
O seu nome está ligado, na criação poética e no ensaio, à canção de intervenção, tendo estado envolvido, por essa via, ao lado de Zeca Afonso, Ary dos Santos, Adriano Correia de Oliveira e Manuel Freire no processo revolucionário que conduziu ao 25 de Abril. Foi agraciado em 1997 com a Ordem da Liberdade.
É coautor, com José Fanha, de várias antologias de poesia portuguesa.
Os seus livros encontram-se traduzidos em várias línguas.
É pai do ilustrador André Letria e irmão do jornalista Joaquim Letria.


Ao longo da sua carreira, recebeu vastos prémios e distinções, entre os quais:
  • No ano de 2001, em Barcelona, recebeu o Prémio Aula de Poesia;
  • O seu livro infantil "O homem que tinha uma árvore na cabeça", integrou em 2002, a lista Books and Reading for Intercultural Education, da União Europeia;
  • Foi distinguido, em junho de 2002, com a Medalha do Município de Cascais, tendo sido atribuído o seu nome à Escola EB1 da vila, que frequentou na infância;
  • Em 2007, foi o primeiro escritor a ser galardoado com o Prémio de Poesia Nuno Júdice, instituído em Aveiro.

O A abre este livro
com uma porta de brincar
e atrás do que ela esconde
está a lua e está o mar
e meninos a fingir
que a casa do alfabeto
não tem chave para entrar.
O A abre o cortejo
e põe-se logo a contar
pelos seus dedos magrinhos
as letras que vão faltar.
in, Versos com todas as letras

    De A a Z, vem conhecer a obra de
    José Jorge Letria,
    na    Biblioteca Municipal 




VAIS GOSTAR TAMBÉM DE:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger..."